terça-feira, 6 de abril de 2010

François e Crispiniano juntos na Siciliano

Na mais nova edição do projeto Diálogos Criativos, um encontro inusitado: o escritor François Silvestre e o diretor geral da Fundação José Gugu, Crispiniano Neto, e ainda o jornalista Luciano Almeida, antigo líder estudantil, preso por mais de uma década pela ditadura - gente finíssima. “Poesia e Memória” será o tema a ser discutido. Será amanhã, às 19h, na Siciliano do Midway - concomitante ao lançamento literário Espelho Quebrado, do livreiro Lima Neto.

Na oportunidade, também será lançado o livro “Às Gerações Futuras - Poesias Inéditas de Emmanuel Bezerra dos Santos”, que reúne escritos inéditos de um estudante potiguar, que foi morto pela ditadura militar. A obra é prefaciada por François Silvestre e apresentada por Roberto de Oliveira Monte (coordenador do Centro de Direitos Humanos e Memória Popular - CDHMP) e Aluízio Matias dos Santos (coordenador do Centro de Estudos, Pesquisa e Ação Cultural - CENARTE).

Segundo o organizador Antonio Condorelli, os facilitadores desta edição, François, Crispiniano e Luciano, falarão sobre o vínculo indissociável que existe entre arte e memória histórica, sobre o papel essencial da primeira no cultivo e na promoção da segunda, sobre a memória e a verdade como direitos humanos fundamentais, além dos rumos atuais da democracia brasileira.

Com entrada franca, o projeto “Diálogos Criativos” abre espaço para a participação do público, que pode interagir com os facilitadores, a fim de trocar opiniões e experiências referentes ao tema. Ao final do encontro, como é de praxe, os participantes podem degustar um café, servido pelo Café Genot da livraria.

Outras informações podem ser obtidas através do blog: http://dialogoscriativosnatal.blogspot.com, ou através do endereço de e-mail dialogos_criativos@dhnet.org.br.

Um comentário:

  1. pô, vilar... não dou uma dentro mesmo... rs...

    ResponderExcluir